CONTRIBUIÇÃO PREVIDENCIÁRIA. INDENIZAÇÃO PELA UTILIZAÇÃO DE VEÍCULO PRÓPRIO. AUXÍLIO QUILOMETRAGEM. VERBA PAGA COM HABITUALIDADE. INCIDÊNCIA.
14 de setembro de 2021
Com novas resoluções, BC traz ESG para a regulação bancária
16 de setembro de 2021

BC transfere para 2023 convergência da inflação

O Banco Central passou a mensagem de que está atento ao risco de haver uma alta da taxa de juros excessiva que provoque ainda mais danos à economia.

O presidente do BC, Roberto Campos, afirmou que levará o juro para onde for necessário, mas isso não significa que vá alterar o plano de voo a cada número divulgado.

Para Volpon, essa foi uma indicação de que o BC pode tolerar uma inflação acima do topo da meta no próximo ano, contando que essa convergência ocorrerá apenas em 2023. ‘A posição restritiva necessária para colocar a inflação na meta em 2022 seria tão intensa que você poderia flertar com a ideia de uma recessão’, afirma.

Para Volpon, que foi diretor de Assuntos Internacionais do Banco Central em 2015, essa mudança de estratégia é acertada, uma vez que o plano de voo já levará o juro para um nível elevado.